O ALENTEJO

Viva


No campo branco

O Alentejo tem uma clara vocação para o Turismo Activo e de Natureza. A beleza da paisagem convida aos passeios a pé, em btt e a cavalo, e as estradas municipais, apesar da ausência de ciclovias, são excelentes para cicloturismo. Nos rios, nas albufeiras e na costa são possíveis múltiplas actividades naúticas. As praias são de eleição. E o céu, com este fantástico clima, é ideal para o paraquedismo, o parapentismo, os passeios em ultra-leve e o balonismo. 

Se aprecia os grandes espaços abertos e se dedica à observação de aves, o Campo Branco será, para si, um local de eleição. 
Esta região é a mais importante zona de pseudo-estepe ou estepe cerealífera de Portugal, resultante do cultivo extensivo de cereais de sequeiro em regime de rotação com pousios. Da manutenção deste ecossistema depende a existência de muitas espécies de aves com estatuto de conservação desfavorável, como a abetarda, o peneireiro-das-torres, o sisão, o cortiçol-de-barriga-negra, o grou e o tartaranhão-caçador. Esta importância traduziu-se na sua integração na Rede Natura 2000. 

Para além da pseudo-estepe, podem observar-se outras unidades paisagísticas, com uma fauna diversificada. A sua observação está hoje muito facilitada pela sinalização de seis percursos pedestres, apoiados pela brochura "Percursos Pedestres do Campo Branco”, realizada pela associação Liga para a Protecção da Natureza (LPN). Como deverá proceder o viajante? Se quiser fazer um programa organizado de observação de aves, tem que marcar a visita no Centro de Educação Ambiental de Vale Gonçalinho - o coração das herdades que a LPN adquiriu no âmbito do projecto Castro Verde Sustentável -, com um mínimo de 7 dias de antecedência, por telefone, fax ou email. Se tem equipamento próprio e prefere passear sozinho, basta-lhe ir ao Posto de Turismo de Castro Verde e adquirir o livro de percursos. Mesmo sem marcação poderá visitar o Centro de Vale Gonçalinho e fazer o Percurso 6 "Vale Gonçalinho – Pereiras”. 

Quanto às melhores épocas para fazer estes passeios, quase todos poderão fazer-se durante todo o ano, menos entre Julho e Setembro devido ao calor. Quem quiser assistir às exibições nupciais das abetardas machos, deverá optar pelos meses de Março e Abril. 

Seja qual for o seu programa, visite o património e viva a peculiar atmosfera que caracteriza a vila de Castro Verde. 

voltarvoltar
generico_portugues_gr_21427173214ed8fb849506c.png

Tempo para ser feliz
Download

guia_museus_portugues_gr_13425300734ed8fbd997a2b.png

Guia de Museus do Alentejo
Download

Tempo para ser Feliz

Tempo para ser Feliz
Download

Conheça o que o Alentejo tem para lhe oferecer
Turismo do Alentejo Turismo de Portugal - Alentejo
INALENTEJO QREN União Europeia